Lgº. Sr.ª da Penha, 6160-115 ESTREITO
(+351) 272 654 670
(+351) 272 654 670
&#x;&#x;

Simbologia Heráldica

Estreito – Vilar Barroco

NOVA FREGUESIA

LOGÓTIPO

Esta é uma nova freguesia do concelho de Oleiros, resultado da agregação da freguesia de Vilar Barroco à freguesia de Estreito.
Apesar de agregados, estes dois territórios continuam a ter a sua identidade individual, marcada pela paisagem, cultura e população.
Esta realidade está bem patente na representação de um bloco segmentado, mas que, no seu total, constitui um elemento comum às duas anteriores freguesias – a Serra do Moradal.

Dividindo o logótipo segundo o eixo NE-SO, os três blocos do lado inferior desse eixo  representam a anterior freguesia de Estreito, enquanto que os três blocos do lado superior desse eixo representam a anterior freguesia de Vilar Barroco (no mapa do concelho de Oleiros, eram estas as posições ocupadas por estas freguesias, uma em relação à outra).

Com as diferentes cores usadas, consegue-se representar diferentes elementos que caracterizam este território.

  • o castanho e cinzento representam a parte montanhosa da serra do Moradal,
  • o verde representa toda a vegetação que compõe a paisagem natural,
  • o tom alaranjado de um dos blocos representa o artesanato de latão dos alambiques do Estreito e toda a actividade ligada a eles,
  • os azuis representam, na sua tonalidade mais clara, a água das ribeiras da Malhadancha e de Perbeques,
  • a tonalidade de azul mais escura representa a atmosfera e um dos elementos a ela associados, o vento, que proporciona a existência das eólicas desta serra.

as eólicas desta serra

Na atualidade, a freguesia de Vilar Barroco foi extinta de acordo com a reorganização administrativa do território das freguesias, decretado na Lei nº 11-A/2013, de 28 de janeiro; tendo assim surgido a sua agregação à Freguesia do Estreito.
Para assinalar este marco na História da nossa freguesia, desenvolvemos um novo logótipo para representar a nova Freguesia de Estreito – Vilar Barroco.

Brasão, bandeira e selo

Eugénio Henriques Alves, presidente da Junta de Freguesia de Estreito, do município de Oleiros, torna pública a ordenação heráldica do brasão, bandeira e selo branco da freguesia de Estreito, do município de Oleiros, tendo em conta o parecer da Comissão de Heráldica da Associação dos Arqueólogos Portugueses, de 21 de junho de 1996, que foi aprovado, sob proposta da Junta de Freguesia, em sessão ordinária da Assembleia de Freguesia.

Brasão

Escudo de prata, calçado de negro; em chefe, um escudete de vermelho, carregado de uma Cruz da Ordem de Malta, de prata. Coroa mural de prata de três torres. Listel branco, com a legenda a negro, em maiúsculas: “Estreito – Oleiros”;

Bandeira

Branca. Cordão e borlas de prata e vermelho. Haste e lança de ouro.

Selo

logoNos termos da lei, com legenda: “Junta de Freguesia de Estreito – Oleiros”.
Junta de Freguesia de Estreito, 18 de fevereiro de 1997.

O Presidente, Eugénio Henriques Alves

Brasão, bandeira e selo

Edital n.º 353/2007

José Roque, presidente da Junta de Freguesia de Vilar Barroco, do município de Oleiros, torna pública a ordenação heráldica do brasão, bandeira e selo da freguesia de Vilar Barroco, do município de Oleiros, tendo em conta o parecer emitido em 9 de Janeiro de 2007, pela Comissão de Heráldica da Associação dos Arqueólogos Portugueses, e que foi estabelecido, nos termos da alínea q) do n.º 2 do artigo 17.º do Decreto-Lei n.º 166/99, de 18 de Setembro, sob proposta desta Junta de Freguesia, em sessão da Assembleia de Freguesia de 10 de Março de 2007:

Brasão

Escudo de ouro, faixa de três tiras ondadas de azul e prata, esta carregada de duas trutas de vermelho, acompanhada de feixe de sete setas de vermelho, atadas de verde e de um cuco de sua cor. Coroal mural de prata de três torres. Listel branco, com legenda a negro “Vilar Barroco”;

Bandeira

Vermelha. Cordão e borlas de ouro e vermelho. Haste e lança de ouro;

Selo

Nos termos da lei, com a legenda “Junta de Freguesia de Vilar Barroco, Oleiros”.
20 de Abril de 2007.

O Presidente, José Roque.

HISTÓRIA
A Freguesia afigura-se como uma estimulante descoberta de sensações, é um recanto carregado de História...